ARTROPLASTIA: O QUE É?

O quadril é uma das maiores articulações do corpo. Por isso, quando ele começa a danificar em virtude da artrite devido a fraturas e demais problemas, atividades comuns do dia a dia como, por exemplo, caminhar, sentar e levantar podem ficar cada mais difíceis e ainda pior: dolorosas. O quadril pode ficar mais rígido, dificultando assim, até o ato de colocar e tirar calçados e meias, algo considerado até simples no cotidiano. Além disso, pode apresentar desconforto até na hora de repousar.

Mesmo com medicamentos, mudanças nas atividades cotidianas e uso de aparelhos que auxiliam na hora de andar, muitas vezes isso não é o suficiente para tratar os sintomas. Logo, é indicado realizar artroplastia de quadril, que é um tratamento seguro e efetivo para aliviar as dores e ainda ajuda a melhorar os movimentos, fazendo com que a pessoa volte às suas atividades normais do cotidiano. Logo, a artroplastia é um procedimento cirúrgico, no qual uma articulação degenerada é substituída por um implante, popularmente conhecido como “prótese”, com objetivo de aliviar os sintomas e melhorar a função do membro afetado. A artroplastia total de quadril também pode ser chamada de prótese total do quadril.

A artroplastia foi realizada pela primeira vez no ano de 1960 e desde então é uma das cirurgias mais bem-sucedidas na medicina. Além disso, desde 1960 o progresso das técnicas e das tecnologias foram aprimorados, aumentando ainda mais a efetividade da artroplastia total no quadril.

Momento curiosidade: Segundo a Agência Americana para Pesquisa e Qualidade em Saúde, mais de 300.000 artroplastias totais de quadril são realizadas anualmente nos Estados Unidos.

Quando a artroplastia de quadril é recomendada?

Essa decisão deve ser tomada entre: paciente, familiares e o médico especialista. Não existe restrições de idade ou peso para realizar esse procedimento. Normalmente a recomendação para a cirurgia baseia-se nas dores e limitações de movimentos do paciente. Por isso, nada tem a ver com a idade. No entanto, a maioria dos pacientes que são submetidos à esse tratamento apresentam idade entre 50 e 80 anos. Mas vale relembrar que cada paciente é avaliado individualmente. As artroplastias totais de quadril têm sido realizadas com sucesso em toda e qualquer idade, desde jovens adolescentes que apresentam artrite juvenil até pacientes idosos com artrite degenerativa.

Existem vários motivos pelos quais o médico pode recomendar a artroplastia de quadril. Normalmente é recomendado para pessoas que apresentam:

  • Dor no quadril que limita as atividades do cotidiano como, por exemplo, caminhar, levantar, sentar e se curvar;
  • Dor no quadril até durante repouso, seja de dia ou de noite;
  • Rigidez no quadril que limita a capacidade de se movimentar ou até de  levantar a perna;
  • Alívio insuficiente da dor mesmo com o uso de anti-inflamatórios, fisioterapia ou até aparelhos que auxiliam a caminhar.

Quando a pessoa apresenta esses “sintomas”, o médico solicita uma avaliação composta por várias etapas:

  • Histórico médico: informações gerais sobre a saúde do paciente. Além disso, o médico perguntará sobre a intensidade das dores no quadril e o quanto elas afetam a capacidade de realizar atividades do cotidiano;
  • Exame físico: o qual irá avaliar a mobilidade, a força e o alinhamento do quadril;
  • Radiografias: as imagens ajudam a avaliar a extensão dos danos ou deformidades no quadril;
  • Outros exames: geralmente são mais eventuais como, por exemplo, ressonância nuclear magnética (RNM), a qual pode ser necessária para determinar as condições do osso e dos tecidos moles do quadril.

O procedimento

Na artroplastia total de quadril, o osso e a cartilagem lesionados são retirados e substituídos por componentes protéticos. Acontece da seguinte forma:

  • A cabeça do fêmur que está lesionada é retirada e substituída por uma haste metálica, a qual é colocada no centro oco do fêmur. Essa haste pode ser fixada no osso através de cimentação ou ainda pressão;
  • Em seguida, uma esfera de cerâmica ou metálica é colocada na parte superior da haste, substituindo assim, a cabeça do fêmur lesionada e que também é retirada;
  • Já a superfície cartilaginosa lesionada da cavidade é retirada e substituída por uma cavidade metálica. Essa cavidade por ser fixada no local certo através de parafusos ou ainda cimento;
  • Por fim, um espaçador cerâmico, metálico ou plástico é inserido entre a esfera e a cavidade nova, proporcionando uma superfície de contato com o mínimo de atrito possível.

Considerações finais

Baseado em suas dores, limitação de movimentos e avaliação de exames e histórico médico, o especialista irá dizer se considera a artroplastia de quadril o melhor método para aliviar as dores e melhorar a sua mobilidade. Além disso, ele irá explicar os possíveis riscos e complicações relacionados à artroplastia de quadril, incluindo os relacionados à cirurgia em si e também os que podem ocorrer depois da cirurgia, ao longo do tempo.

Fonte: https://orthoinfo.aaos.org/pt/treatment/artroplastia-total-de-quadril-total-hip-replacement/

https://www.einstein.br/especialidades/ortopedia/exames-tratamentos/artroplastia-total-do-quadril

AGENDAMENTO ONLINE. MARQUE SUA CONSULTA AGORA MESMO.

CENTRAL DE AGENDAMENTO:

+55 (11) 96971-1572

Este site segue os princípios da resolução do CFM 1974/2011 e do código de conduta Web de medicina e saúde. A informação é oferecida com propósito de educação e informação, não necessariamente são técnicas praticadas na Clínica. Não substitui opinião médica em atendimento formal. Se você tem qualquer problema de saúde, contate seu médico ou profissional de saúde. O objetivo do ato médico, como em toda a prática médica, constitui-se da obrigação de meio e não de fim ou resultado. Todas as informações e textos são produzidos por médicos da Clínica. Fotos são meramente ilustrativas. Direitos são reservados. A publicação e redistribuição de qualquer conteúdo é proibida sem prévio consentimento”

Responsável Técnico: Dr. Cezar Augusto Alves de Oliveira CRM: 123.161

Share This
1
Olá, tudo bem?
Como podemos Ajudar?
Powered by